FaceBook
Twitter
Youtube
Linkedin
Lattes
Whats App9.6635-1646

Artigos

Google implementará recursos de busca semântica este ano

São Paulo - O Google anunciou que estreará, nos próximos meses, recursos de web semântica em seus serviços de busca.

A afirmação foi feita pelo engenheiro-chefe da divisão de buscas da pontocom, Amit Singhal. Em entrevista ao Wall Street Journal, Singhal afirmou que o Google perseguirá um modelo de busca que torne as respostas do computador similares às que um humano daria caso ouvisse uma pergunta qualquer.

Na definição de Singhal, web semântica é uma tecnologia que interliga significados de diferentes palavras e consegue atribuir um sentido aos conteúdos publicados na internet. Na prática, o recurso funciona de modo similar a máquinas com inteligência artificial, ou seja, que conseguem tomar decisões sozinhas baseadas em padrões previamente estabelecidos.

O recurso permitirá que o computador reconheça as características de cada usuário e, de certa forma, “adivinhe” quais resultados aquela pessoa quer obter ao buscar determinadas palavras na web. O cálculo é feito a partir da análise do comportamento daquele usuário na internet.

Para que a web semântica se concretize, no entanto, será preciso que os dados publicados na internet sejam acompanhados de descrições baseadas nos padrões W3C, ou seja, que os robôs do Google sejam capazes de compreender. Por meios destes códigos, os computadores vão identificar o que representa um nome, um endereço ou uma cidade para cada tipo de pessoa.

Com essa camada adicional de conteúdo será possível a ação de programas especiais, os agentes, para lidar com informações e executar tarefas.

Um exemplo de máquina que já faz uso do recurso é o supercomputador Watson, da IBM, capaz de responder perguntas feitas por pessoas em voz alta.

O novo sistema também poderá agregar em seus resultados dados de busca social, a partir de recomendações feitas por usuários do Google e de outras redes sociais. De forma simplificada, Singhal definiu a busca semântica como uma forma “mais simples e amigável” dos usuários fazerem buscas na web. “Será como conversar com uma pessoa”, afirmou Singhal.

Apesar de o início da mudança estar programado para os próximos meses, ela levará anos para ser concluída. A principal dificuldade será evangelizar os produtores de conteúdo na web e colocar dados semânticos em seus textos, fotos e vídeos publicados na web.

URL: info.abril.com.br/noticias/internet/google-prepara-nova-reforma-para-as-buscas-15032012-1.shl

Autor(es): Revista Info Exame (15/03/2012)
Compartilhe FaceBook Twitter
FaceBook
Twitter
Youtube
Linkedin
Lattes
Whats App9.6635-1646
http://www.quickwebsite.com.br